sexta-feira, 30 de novembro de 2012

Zona de conforto (lucro presumido)

 Então, está acabando a zona de conforto para as empresas tributadas pelo luro presumido com a obrigação de usar o SPED na realização contábeis e fiscal. Em 2013 o que era tranquilo e sem graça vira graça do Estado para combater, avançar e mudar paradigmas que vem desde da época do Brasil colonia.
No fundo existe dos pontos fortes do SPED um é o Empreedorismo por toda a visão logística,  custo e social e o segundo não tão menos importante que o primeiro é combater a sonegação, seja ela consciente ou inconscientemente, segundo pesquisa realizada pela Fundação Getúlio Vargas existe um mercado que rende mais de R$ 660 BILHÕES por ano que é o mercado invisível, que nunca aparece mas, ta ai bem próximo do seu bairro, escola, faculdade, comércio, Cidade, Estado e nos Três Poderes constituintes, essa tal chamada sonegação que tem varias versões e mutações na sua origem.